Sábado
22 de Julho de 2017 - 
Maior que a tristeza de não haver vencido é a vergonha de não ter lutado! (Rui Barbos ...
Viver significa lutar.(Seneca)
O mal não pode vencer o mal. Só o bem pode fazê-lo. (Leon Tolstoi)

Visitas por email

Bolsa de Valores

Bovespa -0,39% . . . .
NASDAQ -0,04% . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Belém, PA

32ºC
23ºC
Pancadas de Chuva

Domingo - Belém, PA

31ºC
23ºC
Pancadas de Chuva

Segunda-feira - Belém...

31ºC
23ºC
Poss. de Pancadas de

Terça-feira - Belém,...

34ºC
22ºC
Pancadas de Chuva

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,13 3,13
EURO 3,64 3,64
IENE 0,03 0,03
LIBRA ES ... 4,05 4,05

Abertura do Programa Cidadania e Justiça na Escola acontece nesta sexta-feira

A solenidade de abertura da 17ª edição do Programa Cidadania e Justiça na Escola acontece nesta sexta-feira, 19/5, às 9h30, no Auditório Sepúlveda Pertence, localizado no térreo do bloco A do Fórum de Brasília. A previsão é que cerca de 10 mil estudantes sejam alcançados pelo programa neste ano de 2017. O Evento reunirá autoridades do TJDFT, da Amagis-DF e da Secretária de Educação, parceiros na realização do evento. Estudantes das Escolas Classes 03 e 403 Norte, do Núcleo Bandeirante e do Plano Piloto, respectivamente, do Centro de Ensino Fundamental Planalto, do Plano Piloto, e da Escola Classe da Natureza, do Paranoá, também irão prestigiar a abertura do Programa, que já acontece há quase 20 anos no Judiciário do DF. Este ano, o Cidadania e Justiça na Escola irá desenvolver palestras nas escolas das regionais de ensino de Brazlândia, Núcleo Bandeirante, Paranoá, Plano Piloto, Recanto das Emas e Samambaia. Desenvolvido desde 1999, o Programa Cidadania e Justiça na Escola, lançado oficialmente pela Associação dos Magistrados Brasileiros – AMB e desenvolvido pela Associação dos Magistrados do Distrito Federal – Amagis/DF, em parceria com o TJDFT e a Secretaria de Educação do GDF, tem o objetivo de levar aos alunos do 5º ano do ensino fundamental noções de Cidadania e Justiça, que abrangem ética, moral, política, além dos deveres e direitos fundamentais. Por meio do contato direto dos estudantes com o Poder Judiciário, o Programa busca conscientizar os alunos sobre a forma de exercer esses direitos e, com isso, prepará-los para agirem de forma consciente como futuros cidadãos. A partir da conscientização das crianças, bem como dos professores e coordenadores, o Programa visa, ainda, torná-los multiplicadores dos conhecimentos dentro das comunidades em que se encontram. O Cidadania e Justiça na Escola conta com a colaboração de magistrados voluntários que ministram palestras aos alunos. O conhecimento repassado permite que as relações, de agora e da fase adulta, sejam travadas com mais respeito, solidariedade, cordialidade e dignidade. Antes do encontro com os magistrados, o conteúdo do Programa é aplicado aos alunos por meio de uma cartilha, em forma de revista em quadrinhos, na qual é explicada a organização do Estado, a função do Poder Judiciário e dos profissionais do Direito.
18/05/2017 (00:00)
Acessos  882995
© 2017 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.