Sábado
23 de Setembro de 2017 - 
Maior que a tristeza de não haver vencido é a vergonha de não ter lutado! (Rui Barbos ...
Viver significa lutar.(Seneca)
O mal não pode vencer o mal. Só o bem pode fazê-lo. (Leon Tolstoi)

Visitas por email

Bolsa de Valores

Bovespa -0,28% . . . .
NASDAQ 0,07% . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Belém, PA

35ºC
24ºC
Pancadas de Chuva a

Domingo - Belém, PA

33ºC
23ºC
Poss. de Panc. de Ch

Segunda-feira - Belém...

33ºC
24ºC
Poss. de Panc. de Ch

Terça-feira - Belém,...

33ºC
24ºC
Pancadas de Chuva a

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,13 3,13
EURO 3,74 3,74
IENE 0,03 0,03
LIBRA ES ... 4,23 4,23

Judiciário institui certificação para reconhecer cumprimento de metas

Com o objetivo de conceder reconhecimento e fomentar o desenvolvimento contínuo da qualidade à prestação jurisdicional, o Poder Judiciário do Tocantins criou o Selo “Pacto pela Produtividade”. A Portaria nº 2559, que institui a premiação, foi assinada pelo presidente do TJ, desembargador Eurípedes Lamounier, e publicada no Diário da Justiça da última quinta-feira (18/5). O mérito integra uma das metas da Gestão 2017/2019 que prioriza a redução da taxa de congestionamento processual por meio do meio da concentração de esforços de magistrados e servidores para a disponibilização de uma Justiça humanizada, de acesso amplo, célere e efetiva aos jurisdicionados. O “Selo pela Produtividade” será concedido às unidades de 1º Instância que cumprirem a Meta 1 do Conselho Nacional de Justiça e o Índice de Prestação ao Jurisdicionado (IPJ-TJTO). A apuração dos números para a concessão do Selo será anual, em 31 de dezembro, e a entrega será realizada em janeiro, em conformidade com o calendário do Sistema Justiça em Números. O desempenho será avaliado pelo grau de cumprimento dos critérios estabelecidos. Para a Meta 1 que estipula julgamento de uma quantidade maior de processos de conhecimento do que os distribuídos no ano corrente, será aplicada a seguinte classificação: As unidades que cumprirem 100% da Meta receberão o Selo Bronze. Para aquelas que atingiram entre 101 e 110%, será concedido o Selo Prata. As unidades que cumprirem 111 e 120% receberão o Selo Ouro. Já aquelas que atingirem acima de 120% será concedida a categoria máxima do mérito com o selo Diamante. Para o indicador referente ao Índice de Prestação ao Jurisdicionado, a classificação seguirá basicamente o mesmo critério: O cumprimento do IPJ será medido pelo desempenho da unidade em baixar quantidade igual ou maior de processos do que os distribuídos no ano corrente, apurado pela pisão entre o número integral dos processos baixados pelo número integral de processos distribuídos. As unidades que alcançarem 100% recebem o Selo Bronze. As que atingirem entre 101 e 105% receberão o Selo Prata. Já os Selos Ouro e Diamante ficarão para as unidades que cumprirem 106 e 110%, e acima de 110%, respectivamente.
19/05/2017 (00:00)
Acessos  900805
© 2017 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.