Domingo
23 de Julho de 2017 - 
Maior que a tristeza de não haver vencido é a vergonha de não ter lutado! (Rui Barbos ...
Viver significa lutar.(Seneca)
O mal não pode vencer o mal. Só o bem pode fazê-lo. (Leon Tolstoi)

Visitas por email

Bolsa de Valores

Bovespa -0,39% . . . .
NASDAQ -0,04% . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Belém, PA

36ºC
23ºC
Pancadas de Chuva

Segunda-feira - Belém...

35ºC
24ºC
Pancadas de Chuva

Terça-feira - Belém,...

36ºC
23ºC
Poss. de Pancadas de

Quarta-feira - Belém,...

35ºC
24ºC
Pancadas de Chuva

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,13 3,13
EURO 3,64 3,64
IENE 0,03 0,03
LIBRA ES ... 4,05 4,05

Manchetes jurídicas

Carreta da Justiça finaliza trabalhos em Bodoquena e segue para Caracol

Esta semana, a Carreta da Justiça esteve em Bodoquena para atender as demandas da população daquela comarca. De acordo com o juiz Luiz Felipe Medeiros Vieira, que responde pela unidade móvel da justiça, mais de 500 pessoas foram atendidas em quatro dias de trabalho. Na segunda-feira (17), antes de começar o dia de atendimentos, Luiz Felipe concedeu entrevista à Rádio Comunitária de Bodoquena para esclarecer quais serviços estavam disponíveis, os documentos necessários e para lembrar que esta seria uma ótima oportunidade para os casais regularizarem sua situação civil. À noite, antes do início da sessão plenária, os vereadores de Bodoquena reuniram-se com o juiz para que ele explicasse detalhadamente o funcionamento da Carreta da Justiça, que ficou à disposição no Auditório Mário Brother – Memorial Serra da Bodoquena para resolver as demandas judiciais da população bodoquenense. As ações disponibilizadas na Carreta da Justiça abrangem matérias jurídicas cíveis e criminais como conversões e reconhecimentos de união estável em casamento, acordos cíveis, peticionamentos de iniciais do juizado, casos de guarda, alimentos e visitas, reconhecimento de paternidade, coletas de DNA, além de atendimentos do Ministério Público e da Defensoria Pública estadual. “Foram 44 ações distribuídas, duas audiências realizadas, 43 casamentos, dois pórcios, dois pedidos de alimentos e uma coleta para exames de DNA, além de informações processuais, atendimentos da Defensoria Pública e da Promotoria, 124 orientações gerais, enfim, pudemos atender a população em suas demandas. Fomos muito bem recebidos e superamos as expectativas, atingindo as metas”, disse o juiz.A próxima comarca a receber a unidade móvel será Caracol. De 24 a 28 de abril, a Carreta da Justiça ficará estacionada em frente a prefeitura. Os trabalhos começam às 9 horas. Separe seus documentos e utilize os serviços disponibilizados. Até o momento, a Carreta da Justiça percorreu as comarcas de Rochedo, Corguinho, Taquarussu, Antônio João, Guia Lopes da Laguna e Aral Moreira, cidades onde o atendimento chegou a 10% da população local. Além disso, uma parceria com a juíza Jacqueline Machado, da 3ª Vara de Violência Doméstica e Familiar da Capital e coordenadora estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar, levou a unidade móvel para os distritos de Rochedinho e Anhandui – locais em que o atendimento focou o fim de qualquer tipo de violência contra a mulher. Ressalte-se que o presidente do Tribunal de Justiça, Des. Divoncir Schreiner Maran, desde o início, não mediu esforços para alcançar o maior número possível de comarcas no menor tempo, fazendo da celeridade uma constante.
20/04/2017 (00:00)
Acessos  883182
© 2017 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.